Policiais civis serão homenageados com a Medalha Antônio Gonçalves

0
109

O policial civil goiano terá seu trabalho reconhecido na Câmara de Vereadores de Goiânia com a Medalha Antônio Gonçalves Pereira dos Santos. Ela foi recentemente criada depois que a vereadora Gabriela Rodart apresentou o projeto propondo a homenagem.

Foi graças ao empenho do agente de polícia Rodrigo Palmeira, do GT-3, que essa honrada homenagem será concedida e mais: levando o nome de um grande homem para a Segurança Pública do nosso estado. Policial experiente, Rodrigo está há 17 anos na Polícia Civil, e teve a oportunidade de trabalhar ao lado de grandes profissionais vítimas do acidente, em especial, “o Dr. Antônio”.

Pelo projeto, a medalha será conferida a até 60 policiais civis, anualmente, os quais tenham prestado relevantes serviços à sociedade e se destacado no desempenho da função.

A homenagem leva o nome de um delegado simplesmente exemplar: Dr. Antônio Gonçalves. Quem trabalhou ao lado dele, aprendeu muito e conheceu de perto o tirocínio policial. O delegado, que à época respondia pela Polícia Judiciária de Goiás, morreu no exercício da sua profissão ao lado de outros colegas igualmente distintos: os delegados Bruno Rosa Carneiro, Osvalmir Carrasco Melati Júnior, Jorge Moreira da Silva e Vinícius Batista da Silva; os peritos criminais Marcel de Paula Oliveira e Fabiano de Paula Silva. Morreu também o principal suspeito de uma chacina, Aparecido de Souza Alves, 22 anos.

Como existe um processo para a confecção da Medalha, somente esse ano ela não será entregue no Dia do Policial Civil, 9 de maio, mas numa data posterior.

#medalhaantoniogoncalves #justahomenagem #reconhecimentopolicialcivil #sinpolcomvoce

Artigo anteriorDia do Policial Civil
Próximo artigoSinpol GO marca presença no tradicional Baile do Sinpol DF