Policiais de Cristalina elucidam homicídio duplamente qualificado em menos de 30 horas

0
278

No dia 14 de junho, a família da vítima Wesley Pereira dos Santos compareceu à delegacia de polícia de cristalina para prestar queixa do desaparecimento do rapaz. Após iniciarem-se as investigações policiais, foi constatado na verdade que o desaparecimento do rapaz tratava-se na verdade de roubo, Após esse levantamento os Agentes de polícia da Delegacia de Cristalina confeccionaram boletim de ocorrência do roubo do veículo e solicitaram a bilhetagem do seguro, em posse da informação de onde o veículo estaria parado, foi acionada uma equipe da PCDF a qual se deslocou ao referido local e localizou a veículo.

Foi montada uma verdadeira força-tarefa.

Momento em que uma  equipe de policiais Civis  deslocaram-se até a cidade do Jardim Ingá-GO onde teria passado a madrugada, em buscas dos possíveis autores, enquanto uma segunda equipe deslocou-se até uma área rural, onde, havia uma localização fornecida pela seguradora de veículo, nesse local os policiais civis encontraram o corpo Wesley, caído ao solo com três disparos de arma de fogo na região da cabeça.

Iniciou-se ai uma verdadeira caçada em busca dos autores dessa atrocidade, por volta da 03hs da manhã os policiais Civis conseguiram imagens, onde, identificaram a primeira autora, qualificada como sendo a pessoa de Yasmin Neves Caixeta. Em ato contínuo, foram identificadas as pessoas de Jefferson Ribeiro da Silva e Thiago Santana de Oliveira. Após a identificação dos autores iniciou-se os trabalhos de capturas dos envolvidos no homicídio, em primeiro momento foi realizada a incursão policial na residência de Yasmin a qual foi presa ainda dormindo, logo em seguida foi realizado a adentramento nas residências de Jefferson e Thiago, porém, esses não foram localizados, aos se deslocarem até local de trabalho de Jefferson  esse foi preso trabalhando como se nada tivesse acontecido, o terceiro envolvido não foi localizado pelos policias.

Já na Delgacia Yasmin e Jefferson, após serem informados sobre conjunto probatório de provas em seu desfavor, resolveram colaborar e revelaram a motivação dessa atrocidade, a qual seria, um caso amoroso entre a vítima e Yasmin, e THIAGO apos descobrir esse relacionamento armou uma emboscada pra vitima levando a para zona rural e desferindo três tiros em sua cabeça em companhia de Yasmim e Jefferson.

Após 24 horas ininterruptas de diligencias, a Polícia Civil elucidou o caso e realizou a prisão de dois dos três autores do homicídio em tempo hábil, dando uma resposta favorável aos cidadãos de cristalina assim também como a família da vítima.

Denúncias podem ser feitas pelos telefones 197 ou 9980.17.999.

SINPOL LIVRE E TRANSPARENTE!

Artigo anteriorPoliciais de Luziânia prendem acusado de estupro de vulnerável
Próximo artigoPoliciais civis prendem assaltantes em Padre Bernardo e recebem elogios

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here