Policiais definem em assembleia próximos passos da categoria

0
148

Reunidos em assembleia geral na manhã de hoje, que lotou o auditório Carlos Eurico da Câmara Municipal de Goiânia, os policiais civis tomaram importantes deliberações sobre os próximos passos da categoria na luta pela reestruturação da carreira, por melhores condições de trabalho e pelo reconhecimento de seus profissionais. A Assembleia foi convocada pelo Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Goiás (Sinpol) para apresentar sua prestação de contas e deliberar a respeito das pautas da categoria.

A primeira deliberação, acolhida por unanimidade, foi a adesão à paralisação geral da categoria, que será realizada no próximo dia 21, data definida no congresso nacional da Cobrapol, realizado em agosto em São Luís (MA).

Os policiais civis também aprovaram indicativo de greve caso o governo do Estado não pague a parcela de 12,33% de reposição salarial devida, por lei, aos policiais civis. O pagamento deve ser feito no mês de dezembro. No ano passado, o governo não pagou a parcela. Para isso, enviou projeto de lei à Assembleia Legislativa transferindo o pagamento para 2018. Antecipando-se a uma possível nova recusa, os policiais aprovaram o indicativo de greve.

Os policiais civis manifestaram-se favoravelmente tambem à continuidade da Campanha de Valorização do Policial Civil, em uma nova fase.

Finalmente, em busca da reestruturação da carreira, os policiais civis aprovaram a deflagração de uma campanha nos moldes da realizada pelo Sinpol de Brasília. O objetivo é que a lei seja cumprida à risca. A campanha será por etapas.

O presidente do Sinpol, Paulo Sérgio Alves de Araújo, avaliou a assembleia como extremamente positiva, com grande participação de policiais. As  medidas aprovadas serão implementadas pela diretoria.

SINPOL LIVRE E TRANSPARENTE!

Artigo anteriorSecretário de Segurança Pública se recusa a receber diretores do Sinpol
Próximo artigoSobre reunião do cometê de entidades com o governador

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here