Considerações acerca da atual politica de pagamento de salários

0
159

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Goiás, a respeito da política de parcelamento de salários de servidores do Estado, bem como a recente divisão de pagamento de salários fundada na percepção dos valores líquidos, orienta a toda categoria que o artigo 96 do Constituição do Estado de Goiás prevê a possibilidade de quitação da folha de pagamento até o dia 10 do mês posterior ao vencido.

Sendo assim, qualquer atuação da entidade visando coibir a prática destas ações adotadas pela Administração, podem implicar na quitação integral do salário no dia 10 do mês subsequente, o que prejudica ainda mais a situação já vivida.

Saliente-se que tal fato não é equivalente ao do Estado do Rio Grande do Sul, em que os servidores, de modo justo, protestam e questionam a quitação do salário do mês de julho a realizar-se em três parcelas, sendo a última delas programada para 25 de agosto, o que  contraria a legislação daquele ente federativo. Do mesmo modo não equivale à situação vivida pelo Estado de Sergipe, em que o movimento paredista está fundado no baixo percentual concedido para o aumento de salário.

O SINPOL lamenta profundamente os fatos, no entanto, até o momento, entende não ser coerente a tomada de qualquer ação judicial no sentido de evitar a atual política de pagamento de salários adotada pelo Estado de Goiás.

SINPOL livre, transparente e atuante!

Artigo anteriorSinpol-GO comemora 17 anos com sorteio de moto
Próximo artigoCarteirinhas prontas no SINPOL-GO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here