Policiais Civis se reúnem com deputado federal João Campos

0
949

Diversos representantes de entidades de classe que compõem a União dos Policiais do Brasil (UPB-GO) se reuniram nesta sexta-feira (3) com o deputado federal João Campos (PRB) para discutir sobre a Reforma da Previdência e seus efeitos em relação à aposentadoria dos profissionais que atuam em órgãos civis da Segurança Pública.

A entidade entregou ao deputado federal um quadro comparativo entre a PEC 06/2019 e as propostas contidas nas emendas para modificações ao texto da proposta já protocoladas de interesse dos operadores da Segurança Pública.

Também foi entregue uma minuta elaborada por colega da Polícia Rodoviária Federal (PRF), defendida pela UPB-GO, que teve como modelo a emenda apresentada pelo deputado Hugo Leal, que contempla as solicitações da UPB Nacional. A minuta de emenda apresentada ao deputado contém acréscimos de alguns pontos importantes.

Os representantes classistas presentes demonstraram insatisfação pelo tratamento diferenciado dado aos policiais militares e aos integrantes das Forças Armadas em relação às demais forças de Segurança Pública. Todavia, ressaltaram que acham justo o tratamento concedido aos militares, mas seria injusto não tratar os demais profissionais da Segurança Pública de forma isonômica, sendo que estão expostos aos mesmos riscos.

João Campos enfatizou que reconhece que as aposentadorias de todos os profissionais devem ser diferenciadas por contas das peculiaridades de suas atividades, inclusive com a convicção de que nenhuma categoria da Segurança Pública deve ser tratada de maneira diferente na matéria da Reforma da Previdência.

O deputado se colocou à disposição para apresentar uma emenda ao texto da PEC 06/2019 em que todas as categorias de Segurança Pública sejam tratadas sem distinção. João Campos também firmou o compromisso de já no início da próxima semana agilizar essa emenda para que seja protocolada o mais breve possível.

Além disso, o parlamentar enfatizou que todas as categorias devem se mobilizar para a coleta das assinaturas dos deputados de todas as unidades da federação, convencendo-os que as categorias de Segurança Pública não buscam privilégios, mas Justiça.

Ao final da reunião, o deputado se comprometeu a promover um encontro com o secretário da Previdência Social, Rogério Marinho, para manter as discussões em prol dos servidores da Segurança Pública.

SINPOL LIVRE E TRANSPARENTE!

Artigo anteriorPrograma Investigador Mirim é contemplado por ações sociais
Próximo artigoPoliciais de Valparaíso prendem ladrão que se passava por delegado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here