Operação Ponto Final: Organização criminosa desviava cargas e combustíveis

0
207

A força tarefa composta pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Civil, por meio da DECAR, Polícia Militar de Goiás e Secretaria de Economia (SECON) desencadeia na manhã desta quarta-feira (22) a Operação Ponto Final, cumprindo 14 mandados de busca e apreensão contra membros de organização criminosa que atua há mais de dez anos em diversos estados.

Os criminosos, especializados em roubos de cargas de gêneros alimentícios e, principalmente, combustíveis, agiam com violência ao abordar os motoristas de caminhões, mantendo-os em cárcere privado sob forte ameaça de armas de fogo para roubarem as cargas. O prejuízo gerado pela organização criminosa é estimado em mais de R$ 80 milhões.

Dois dos líderes eram conhecidos por ameaçarem até policiais de outros estados que os investigavam, conforme conversas capturadas pelos investigadores. Em Goiás toda a estrutura criminosa foi desmantelada.

Artigo anteriorPresa quadrilha que aplicava golpes por meio de anúncios comerciais
Próximo artigoGuardas Civis são presos por homicídio na Serra das Areias

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here