Governo barra gratificação a policiais civis

1
421

Mais uma vez o governo de Goiás deixa de olhar pelo policial civil. O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, vetou integralmente no mês de janeiro, o pagamento de gratificação aos Escrivães de Polícia, aos Agentes de Polícia e aos Papiloscopistas Policiais, em caso de acumular unidades policiais, como é feito aos Delegados de Polícia.

 

A PGE recomendou o veto ao autógrafo de lei porque “a medida implicaria em aumento de despesa pública, por inexequibilidade da proposta e vício de iniciativa e alegando que a proposta deveria ser de iniciativa do Chefe do Executivo, não partir do Legislativo.”

 

Mais uma vez faltou vontade política com a categoria ao não sancionar o Projeto. O mesmo governo também se recusa a pagar as data-bases atrasadas, mesmo com o direito previsto em Lei.

 

#databasejá#policialcivilimporta #alutanaopara#sinpolatuante

Artigo anteriorDia do profissional de identificação
Próximo artigoMega moda Hotel

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here