Presos quatro suspeitos de estelionato e associação criminosa

0
681

Por meio da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), a Polícia Civil do Estado de Goiás (PC-GO) prendeu em flagrante na semana passada quatro pessoas pelos crimes de estelionato e associação criminosa. As investigações foram iniciadas após uma pessoa denunciar que seus dados teriam sido utilizados para abrir uma conta bancária virtual e contrair um empréstimo de R$ 4 mil, em outra instituição financeira.

Conforme foi apurado, o golpe funcionava com a abertura de uma conta digital em nome da vítima. Em seguida, era contratado empréstimos em outra instituição financeira, também em nome da vítima, no valor de até R$ 5 mil. Com a transferência do empréstimo para a conta digital, o valor era utilizado para fazer TED e pagamento de boletos em favor de laranjas. A estimativa é de que os criminosos adquiriram R$ 20 mil por semana com o golpe.

Com a denúncia feita por uma das vítimas, foram iniciadas as diligências até que os suspeitos fossem identificados. Um dos suspeitos apontados já possui passagem pela polícia pela prática de estelionato, falsidade ideológica, entre outros. Este também tinha em aberto dois mandados de prisão pela Comarca de Goiânia. Com isso, os policiais civis conseguiram chegar ao endereço do suspeito, onde também estava outros dois homens e uma mulher.

Provas

Na casa do suspeito foram encontrados documentos que comprovam a fraude praticada em desfavor da vítima que registrou ocorrência, assim como indícios de que outras pessoas poderiam se tornar vítimas no futuro. Os 13 pacotes, chamados de “kit vítima”, encontrados pelos policiais continham chip de telefone, dados pessoais e número de conta digital em nome das vítimas. Caso fossem concretizados, os 13 golpes renderiam R$ 65 mil aos criminosos.

Além disso, foram apreendidos aparelhos eletrônicos, que foram encaminhados para análise, e outros documentos. Os quatro detidos foram conduzidos à Deic e autuados em flagrante por estelionato e associação criminosa. Após interrogação, os suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Capturas, onde ficarão à disposição da Justiça.

Artigo anteriorQueda de helicóptero da Polícia Civil completa oito anos
Próximo artigoPoliciais de Goiatuba cumprem 12 mandados por tráfico de drogas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here