Polí­cia Civil 04 suspeitos de envolvimento em vários crimes, inclusive em duplo homicídio

0
158

Na última sexta-feira, 27, a Polícia Civil de Goianésia (GENARC e Delegacia de Polícia Local) realizou uma operação policial com objetivo de coibir a criminalidade que nos últimos dias aterrorizava Goianésia.

Após horas de diligências os policiais civis efetuaram as prisões de quatro suspeitos de envolvimentos em crimes de duplo homicídio tentado e consumado (fato ocorrido dia 01/02/2015), receptação, porte e posse de armas e munições de uso permitido e ainda em crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Com os suspeitos que tinha o costume de portarem armas e utilizavam um ponto de venda de drogas no Parque Araguaia, região Oeste de Goianésia, foram encontrados e apreendidos 02 revólveres calibre 38 municiados, 05 munições do mesmo calibre, várias porções de crack e de maconha, uma balança de precisão digital, a quantia de R$400,00 em dinheiro, uma motocicleta utilizada para transportar drogas, além de vários objetos que foram furtados em residências anteriormente e após reconhecimento foram entregues aos seus proprietários.

Foram presos nesta operação Wiliam José Coelho, o Giló de 21 anos, João Paulo Félix Alves, o Bolinha de 23 anos, Luan Vinicius Gomes de Oliveira, 22 anos e Leonardo Gabriel Nunes, o Leozinho de 23 anos, este que já possui uma condenação pelo crime de tráfico de drogas.

Vale ressaltar que três dos quatro suspeitos podem ter envolvimento em um duplo homicídios e de uma dupla tentativa de homicídio ocorridos no dia 1º de fevereiro deste ano nas proximidades da feira do Bairro Nova Aurora.

As investigações apontam que ainda pode haver participações de outras pessoas envolvidas na ação criminosa que resultou em duplo homicídio tentado e consumado.

Há uma semana as pessoas responsáveis por transportar drogas para esta quadrilha de traficantes foi presa pelo GENARC na cidade de Jaraguá, na ocasião um casal trazia uma mochila contendo 03 kg de maconha e 300 gramas de crack que seriam repassados para integrantes deste grupo de suspeitos de tráfico que possuem o costume de portarem armas de fogo ao entregarem drogas em vários setores de Goianésia.

Fonte: GENARC Goianésia

Artigo anteriorPoliciais Civis do CAOP de Anápolis coloca mais dois homicidas atrás das grades
Próximo artigoGENARC de Formosa prende duas mulheres por tráfico de drogas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here