Policiais civis desarticulam grupo que confeccionava placas irregulares de veículos

0
80

Um trabalho minucioso da Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio do GEPATRI de Luziânia, em conjunto com a Polícia Civil do Distrito Federal, por meio da CORPATRI, resultou na desarticulação de uma associação criminosa que confeccionava e fornecia placas irregulares para veículos. A OPERAÇÃO RÉPLICA quebrou o elo entre o ladrões de carro/moto e aqueles que clonam veículos.

Graças às investigações dos policiais, foi descoberto duas famílias que possuíam ligação no crime e atuavam em conexão, transportando placas veiculares provenientes do SIA para Luziânia-GO e vice-versa.

A família do SIA era formada por pai, filho e nora, os quais produziam placas para fornecimento em Luziânia, e atendiam à demanda de criminosos também do Distrito Federal. Já a família de Luziânia, formada por tia e sobrinhos, também atuava na confecção de placas, utilizando empresas credenciadas junto ao DETRAN-GO e estabelecidas na cidade.

Outro envolvido que foi preso é o funcionário público da prefeitura de Silvânia-GO, que exercia o cargo de Superintendente de Trânsito da cidade e era responsável pelo recebimento de placas irregulares e o fornecimento de matrizes alfanuméricas para a confecção de placas de motocicleta no padrão cinza ainda.

Foram 26 locais de busca e apreensão e 06 mandados de prisão preventiva nas cidades de Brasília (DF), Luziânia (GO), Silvânia (GO) e Vianópolis (GO), os autuados foram interrogados e levados para a Casa de Prisão Provisória (CPP) de Luziânia, por determinação da magistrada responsável pelo caso.

Mais uma vez, policiais civis contribuindo de maneira exemplar à Segurança Pública, mesmo que ainda não tenham todos os seus direitos respeitados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here