PCs GO e SE trabalham juntas na operação “Perfil Fake”

0
107

Policiais civis da DEIC de Goiás e da Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos da Polícia Civil de Sergipe trabalharam juntos na Operação “Perfil Fake” para combater uma organização criminosa com base aqui no Estado que aplicou golpes em cerca de 30 pessoas, entre juízes, desembargadores e outros profissionais conhecidos em Aracaju no ano de 2020. O prejuízo das vítimas é estimado em R$ 40 mil. A operação foi desencadeada ontem, 26, e contou com o apoio das inteligências goiana e sergipana.

Foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão de cartões de crédito e outros documentos, em Goiânia e Senador Canedo, e um investigado foi preso preventivamente, que seria o mentor do grupo.

Aqui em Goiás, policias civis do Grupo de Repressão a Estelionato e outras Fraudes – GREF e do Grupo de Repressão a Latrocínio GRL – ambos da Delegacia Estadual de Investigações Criminais, e da Gerência de Operações de Inteligência da Polícia Civil também colaboraram com as investigações.

#trabalhoconjunto #policiaiscivisdegoiasesergipe #sinpoldivulga

 

Artigo anteriorSinpol Goiás parabeniza Adriano Bandeira, do SE, pela eleição como presidente da Cobrapol
Próximo artigoPolicial civil de Luziânia se recupera de facada

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here