“Rachadinha” em Câmara Municipal é investigada pela polícia

0
321

Policiais civis deflagraram a operação Split Pay, a fim de cumprir 10 mandados de busca e apreensão na cidade de Anápolis. O objetivo é angariar provas para o inquérito policial em trâmite na Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra a Administração Pública (Dercap), que investiga suposta prática do crime de peculato, diante da suspeita da chamada “rachadinha” existente no gabinete de um vereador da Câmara Municipal de Anápolis. O nome do parlamentar não foi revelado.

A operação Split Pay (tradução livre para o inglês do termo rachadinha) contou com a participação de mais de 40 policiais civis, pertencentes à Dercap, 3a DRP – Anápolis e Gerência de Inteligência da Polícia Civil.

Artigo anterior
Próximo artigoDezesseis anos da informatização da Polícia Civil: um processo que ainda não acabou

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here